As configurações de cookies neste site são definidas para que possamos dar-lhe a melhor experiência enquanto estiver aqui. Se desejar, você pode alterar as configurações de cookies a qualquer momento em seu navegador. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.
Aceitar e fechar
 
Rogate 420 - Março 2024

Chamadas a zelar o Divino Coração de Jesus

Este mês de março, tempo de quaresma, Páscoa, dia de São José, Esposo da Virgem Maria, e ainda, fora do calendário litúrgico, Dia Mundial da Oração, Dia Internacional da Mulher, do Consumidor, contra a Discriminação Racial, das Florestas, da Síndrome de Down, da Poesia, da Água Doce, da Nutrição. Nesta edição, tudo isso está em conexão e pode ser expresso na palavra cuidado, essa forma de amor tão essencial, talvez uma das mais caridosas. O tempo quaresmal nos convida a cuidar mais fervorosamente de nossa conversão para o alto, cuidando de nós mesmos e de nossos irmãos, sem descuidar das coisas terrenas. Na entrevista, em foco as Filhas do Divino Zelo do Coração de Jesus, uma carismática expressão de um cuidado dos mais sublimes! E aqui “linkamos” com as mulheres, especialmente vocacionadas a cuidar, mas também a ser cuidadas. São José, que o diga, zeloso Esposo da Virgem Maria e protetor da Sagrada Família. O que nos remete ao artigo de Juventudes, testemunhando a indispensável missão de cuidar de quem cuida. A propósito, como estamos cuidando daqueles que, por fim, chegam ao discernimento que não seguirão para a vida religiosa ou consagrada, pois “não têm vocação”? A seção Animação Vocacional coloca-nos diante dessa pergunta. Por outro lado, lemos na Mística da Vocação que São João da Cruz pôde viver uma santidade pujante porque, em meio a tantas dificuldades, encontrou quem cuidasse da semente de sua vocação, que também se realizou plenamente sob o protagonismo de Santa Teresa d´Ávila! Enfim, temos subsídios para refletir sobre esta vocação a que todos somos chamados, a de cuidar de nós mesmos, da nossa vida, dos nossos irmãos, da vida em nossa “casa comum”.
Feliz Páscoa!
Solicite edições anteriores
Ver todas as edições
X Fechar
Receba edições anteriores
 
X Fechar
Receba mais informações

WhatsApp

Precisa de ajuda?